Norma ISO 56.002

Nesse artigo, que teve a contribuição de Alexandre Pierro da empresa Palas, será apresentada a Norma ISO 56.002, reforçando a importância da propagação do conhecimento e inovação na indústria.

ISO 56.002

A ISO (Organização Internacional de Normalização), com intuito de desenvolver uma norma específica para inovação, criou o comitê técnico de inovação em 2008, resultando na ISO 56.002. A Palas trabalhou continuamente em conjunto com o Grupo ISO de Genebra para formatar e estruturar a Norma ISO 56.002, sendo assim responsável por trazer a norma para o Brasil.

Publicada em Julho de 2019, a ISO 56.002 defende que a cultura de inovação aconteça constantemente na indústria, visando garantir uma gestão de inovação eficiente. A norma serve como uma direção para o desenvolvimento da gestão voltada para a Indústria 4.0, e trabalha com alguns pilares, tendo como destaque um pilar de suma importância, que é a colaboração.

No século XX a competição entre os profissionais era o foco nas empresas, se tornando a principal forma de conquistar espaço no mercado. Já no século XXI esse cenário mudou completamente, mostrando que o foco principal precisa ser a colaboração, pois torna o caminho até o objetivo desejado mais rápido e eficaz, possibilitando uma melhora considerável nos resultados.

Quais os pilares da norma?

A norma possui seis pilares que sustentam seu funcionamento e servem como critério para a criação e certificação da inovação. Sendo a primeira delas a liderança visionária, que garante lideres antenados e preocupados com o futuro da inovação na empresa. A gestão de insights é o segundo pilar, que visa entender, avaliar e testar as ideias de melhoria propostas, garantindo seu desenvolvimento.

A gestão de riscos é o pilar que analisa as incertezas, riscos e ameaças sem comprometer a inovação. O quarto pilar é a cultura adaptativa, que exige a adaptação da empresa em relação às mudanças no mercado, tornando-as oportunidades. A colaboração é o pilar de maior importância dentro da norma, e permite a participação de todos os colaboradores no desenvolvimento da inovação em diversas áreas.

O propósito é o sexto e último pilar, esse renova as missões empresariais e abre espaço para objetivos maiores que mercado ou segmento, tendo como foco principal a parte institucional da empresa.

Propagar Conhecimento

Com toda essa mudança no cenário industrial foi possível perceber que o conhecimento e a colaboração são as ações da vez, devido a isso, a Presys tem levado muitos workshops técnicos para diversas regiões do país, incentivando a troca de conhecimento e a colaboração entre os profissionais.

Esses workshops possibilitam a troca de ideias entre os participantes e nossos colaboradores. Por meio dessa propagação são compartilhadas experiências, expandindo as informações sobre a utilização de instrumentos, softwares e novas tecnologias que foram incluídas ao longo dos últimos anos nos hardwares e softwares da Presys.

Existem pilares de conhecimento, normativos e tecnológicos que podem ajudar as empresas nos processos de melhoria da qualidade, fazendo a gestão e a tecnologia caminhar juntas para maximizar os resultados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *